sexta-feira, 25 de março de 2011

TERMÔMETROS..

Os termômetros de mercúrio, que ainda hoje se encontram em uso, tendem a ser retirados de circulação, uma vez que se quebram facilmente,
eliminando um metal tóxico, que pode ser absorvido pela pele ou por inalação.
Esses termômetros já foram proibidos na União Européia e a OMS já recomendou a sua substituição pelos digitais, que, apesar de mais caros,
são mais seguros.
Entretanto, face à diversidade de marcas, o consumidor deve ficar atento, averiguando os seguintes ítens:precisão, manual de instruções,
vida útil, facilidade de leitura, dimensão do aparelho, facilidade na troca de bateria,aviso sonoro, memória da última medição, facilidade de limpeza e o
preço, que pode ser superior a R$25,00 ou inferior a R$15,00.Lembrar que "mais caro" não ésinônimo de "melhor".

Um comentário:

Mariana disse...

Sempre há que ler o manual de instruções para cada coisa que se compra, mas sobre tudo para medicamentos em geral, por exemplo, penvir para saber bem sobre o tratamento.